Faithlife
Faithlife

SOLUS CHRISTUS

Sermon  •  Submitted
0 ratings
· 3 views
Notes & Transcripts

INTRODUÇÃO

Como seria se Deus nos desse a chance de ver na terra um pouco de como será no céu?

INTRODUÇÃO

Será que nossa fé seria mais fortalecida?
Será que nunca mais trairíamos a Jesus?
Será que se víssemos o céu aberto, não precisaríamos mais das Escrituras para nos guiar e ensinar?
O que vermos neste texto é um pouco sobre como 3 discípulos de Jesus tiveram a experiência mais fantástica já vivida sobre a terra, e como isso não fez muita diferença no modo como eles continuaram a viver.
Como seria se Deus nos desse a chance de ver na terra um pouco de como será no céu?
Como seria se Deus nos desse a chance de ver na terra um pouco de como será no céu?Será que nossa fé seria mais fortalecida?Será que nunca mais trairíamos a Jesus?Será que se víssemos o céu aberto, não precisaríamos mais das Escrituras para nos guiar e ensinar?O que vermos neste texto é um pouco sobre como 3 discípulos de Jesus tiveram a experiência mais fantástica já vivida sobre a terra, e como isso não fez muita diferença no modo como eles continuaram a viver.
Mateus 17.1–8 RA
Seis dias depois, tomou Jesus consigo a Pedro e aos irmãos Tiago e João e os levou, em particular, a um alto monte. E foi transfigurado diante deles; o seu rosto resplandecia como o sol, e as suas vestes tornaram-se brancas como a luz. E eis que lhes apareceram Moisés e Elias, falando com ele. Então, disse Pedro a Jesus: Senhor, bom é estarmos aqui; se queres, farei aqui três tendas; uma será tua, outra para Moisés, outra para Elias. Falava ele ainda, quando uma nuvem luminosa os envolveu; e eis, vindo da nuvem, uma voz que dizia: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo; a ele ouvi. Ouvindo-a os discípulos, caíram de bruços, tomados de grande medo. Aproximando-se deles, tocou-lhes Jesus, dizendo: Erguei-vos e não temais! Então, eles, levantando os olhos, a ninguém viram, senão Jesus.
Será que nossa fé seria mais fortalecida?
Marcos 9.2–13 RA
Seis dias depois, tomou Jesus consigo a Pedro, Tiago e João e levou-os sós, à parte, a um alto monte. Foi transfigurado diante deles; as suas vestes tornaram-se resplandecentes e sobremodo brancas, como nenhum lavandeiro na terra as poderia alvejar. Apareceu-lhes Elias com Moisés, e estavam falando com Jesus. Então, Pedro, tomando a palavra, disse: Mestre, bom é estarmos aqui e que façamos três tendas: uma será tua, outra, para Moisés, e outra, para Elias. Pois não sabia o que dizer, por estarem eles aterrados. A seguir, veio uma nuvem que os envolveu; e dela uma voz dizia: Este é o meu Filho amado; a ele ouvi. E, de relance, olhando ao redor, a ninguém mais viram com eles, senão Jesus. Ao descerem do monte, ordenou-lhes Jesus que não divulgassem as coisas que tinham visto, até o dia em que o Filho do Homem ressuscitasse dentre os mortos. Eles guardaram a recomendação, perguntando uns aos outros que seria o ressuscitar dentre os mortos. E interrogaram-no, dizendo: Por que dizem os escribas ser necessário que Elias venha primeiro? Então, ele lhes disse: Elias, vindo primeiro, restaurará todas as coisas; como, pois, está escrito sobre o Filho do Homem que sofrerá muito e será aviltado? Eu, porém, vos digo que Elias já veio, e fizeram com ele tudo o que quiseram, como a seu respeito está escrito.
Será que nunca mais trairíamos a Jesus?
Será que se víssemos o céu aberto, não precisaríamos mais das Escrituras para nos guiar e ensinar?
O que vermos neste texto é um pouco sobre como 3 discípulos de Jesus tiveram a experiência mais fantástica já vivida sobre a terra, e como isso não fez muita diferença no modo como eles continuaram a viver.
Marcos 9.2–13 RASeis dias depois, tomou Jesus consigo a Pedro, Tiago e João e levou-os sós, à parte, a um alto monte. Foi transfigurado diante deles; as suas vestes tornaram-se resplandecentes e sobremodo brancas, como nenhum lavandeiro na terra as poderia alvejar. Apareceu-lhes Elias com Moisés, e estavam falando com Jesus. Então, Pedro, tomando a palavra, disse: Mestre, bom é estarmos aqui e que façamos três tendas: uma será tua, outra, para Moisés, e outra, para Elias. Pois não sabia o que dizer, por estarem eles aterrados. A seguir, veio uma nuvem que os envolveu; e dela uma voz dizia: Este é o meu Filho amado; a ele ouvi. E, de relance, olhando ao redor, a ninguém mais viram com eles, senão Jesus. Ao descerem do monte, ordenou-lhes Jesus que não divulgassem as coisas que tinham visto, até o dia em que o Filho do Homem ressuscitasse dentre os mortos. Eles guardaram a recomendação, perguntando uns aos outros que seria o ressuscitar dentre os mortos. E interrogaram-no, dizendo: Por que dizem os escribas ser necessário que Elias venha primeiro? Então, ele lhes disse: Elias, vindo primeiro, restaurará todas as coisas; como, pois, está escrito sobre o Filho do Homem que sofrerá muito e será aviltado? Eu, porém, vos digo que Elias já veio, e fizeram com ele tudo o que quiseram, como a seu respeito está escrito.
Vamos verso a verso:Mc 9.2-3
Marcos 9.2–13 RA
Seis dias depois, tomou Jesus consigo a Pedro, Tiago e João e levou-os sós, à parte, a um alto monte. Foi transfigurado diante deles; as suas vestes tornaram-se resplandecentes e sobremodo brancas, como nenhum lavandeiro na terra as poderia alvejar. Apareceu-lhes Elias com Moisés, e estavam falando com Jesus. Então, Pedro, tomando a palavra, disse: Mestre, bom é estarmos aqui e que façamos três tendas: uma será tua, outra, para Moisés, e outra, para Elias. Pois não sabia o que dizer, por estarem eles aterrados. A seguir, veio uma nuvem que os envolveu; e dela uma voz dizia: Este é o meu Filho amado; a ele ouvi. E, de relance, olhando ao redor, a ninguém mais viram com eles, senão Jesus. Ao descerem do monte, ordenou-lhes Jesus que não divulgassem as coisas que tinham visto, até o dia em que o Filho do Homem ressuscitasse dentre os mortos. Eles guardaram a recomendação, perguntando uns aos outros que seria o ressuscitar dentre os mortos. E interrogaram-no, dizendo: Por que dizem os escribas ser necessário que Elias venha primeiro? Então, ele lhes disse: Elias, vindo primeiro, restaurará todas as coisas; como, pois, está escrito sobre o Filho do Homem que sofrerá muito e será aviltado? Eu, porém, vos digo que Elias já veio, e fizeram com ele tudo o que quiseram, como a seu respeito está escrito.
Marcos 9.2–13 RA
Seis dias depois, tomou Jesus consigo a Pedro, Tiago e João e levou-os sós, à parte, a um alto monte. Foi transfigurado diante deles; as suas vestes tornaram-se resplandecentes e sobremodo brancas, como nenhum lavandeiro na terra as poderia alvejar. Apareceu-lhes Elias com Moisés, e estavam falando com Jesus. Então, Pedro, tomando a palavra, disse: Mestre, bom é estarmos aqui e que façamos três tendas: uma será tua, outra, para Moisés, e outra, para Elias. Pois não sabia o que dizer, por estarem eles aterrados. A seguir, veio uma nuvem que os envolveu; e dela uma voz dizia: Este é o meu Filho amado; a ele ouvi. E, de relance, olhando ao redor, a ninguém mais viram com eles, senão Jesus. Ao descerem do monte, ordenou-lhes Jesus que não divulgassem as coisas que tinham visto, até o dia em que o Filho do Homem ressuscitasse dentre os mortos. Eles guardaram a recomendação, perguntando uns aos outros que seria o ressuscitar dentre os mortos. E interrogaram-no, dizendo: Por que dizem os escribas ser necessário que Elias venha primeiro? Então, ele lhes disse: Elias, vindo primeiro, restaurará todas as coisas; como, pois, está escrito sobre o Filho do Homem que sofrerá muito e será aviltado? Eu, porém, vos digo que Elias já veio, e fizeram com ele tudo o que quiseram, como a seu respeito está escrito.
Marcos 9.2–13 RA
Seis dias depois, tomou Jesus consigo a Pedro, Tiago e João e levou-os sós, à parte, a um alto monte. Foi transfigurado diante deles; as suas vestes tornaram-se resplandecentes e sobremodo brancas, como nenhum lavandeiro na terra as poderia alvejar. Apareceu-lhes Elias com Moisés, e estavam falando com Jesus. Então, Pedro, tomando a palavra, disse: Mestre, bom é estarmos aqui e que façamos três tendas: uma será tua, outra, para Moisés, e outra, para Elias. Pois não sabia o que dizer, por estarem eles aterrados. A seguir, veio uma nuvem que os envolveu; e dela uma voz dizia: Este é o meu Filho amado; a ele ouvi. E, de relance, olhando ao redor, a ninguém mais viram com eles, senão Jesus. Ao descerem do monte, ordenou-lhes Jesus que não divulgassem as coisas que tinham visto, até o dia em que o Filho do Homem ressuscitasse dentre os mortos. Eles guardaram a recomendação, perguntando uns aos outros que seria o ressuscitar dentre os mortos. E interrogaram-no, dizendo: Por que dizem os escribas ser necessário que Elias venha primeiro? Então, ele lhes disse: Elias, vindo primeiro, restaurará todas as coisas; como, pois, está escrito sobre o Filho do Homem que sofrerá muito e será aviltado? Eu, porém, vos digo que Elias já veio, e fizeram com ele tudo o que quiseram, como a seu respeito está escrito.
Vamos verso a verso:Mc 9.2-3
Vamos verso a verso:Mc 9.2-3
RASeis dias depois, tomou Jesus consigo a Pedro, Tiago e João e levou-os sós, à parte, a um alto monte. Foi transfigurado diante deles; as suas vestes tornaram-se resplandecentes e sobremodo brancas, como nenhum lavandeiro na terra as poderia alvejar.
Marcos 9.2–3 RASeis dias depois, tomou Jesus consigo a Pedro, Tiago e João e levou-os sós, à parte, a um alto monte. Foi transfigurado diante deles; as suas vestes tornaram-se resplandecentes e sobremodo brancas, como nenhum lavandeiro na terra as poderia alvejar.
Algumas coisas nos chamam a atenção;Mais uma vez, Jesus traz para perto de si (e, agora, para uma experiência extraordinária) os 3 apóstolos e discípulos que o acompanharam mais de perto durante seus 3 anos e meio de ministério;6 dias após o dia em que Jesus chegou em Cesareia de Filipe, lugar onde ele predisse sua morte e ressurreição, lugar em que ensinou que salvação é igual a negar a si, tomar a cruz e segui-lo, seis dias após tudo isso, na mesma região, Jesus deixa a companhia de todos os discípulos e chama os 3 mais chegados para uma caminhada na montanha;ONDE FICAVA A CESAREIA DE FILIPE? (MAPA) Jesus sobe uma montanha com eles. Pela proximidade com Cesareia de Filipe, provavelmente tenha sido o Monte Hermon. Quando chegam no alto, Jesus é transfigurado;A transfiguração demonstra que Jesus é divino. Essa foi uma espécie de pré-visualização de como seria Jesus ressuscitado, embora nem todas as vezes em que apareceu após a ressurreição, apareceu com esta forma;A palavra grega que é usada aqui dá a impressão de que a aparência de Jesus foi totalmente transformada em outra...Provavelmente, a aparência de Jesus foi como é na glória - e os 3 discípulos pela primeira vez viram aquilo na vida;A forma como as vestes de Jesus resplandeciam, de certo modo pareceu com a aparência de Moisés quando desceu do Monte Sinai em ;
RASeis dias depois, tomou Jesus consigo a Pedro, Tiago e João e levou-os sós, à parte, a um alto monte. Foi transfigurado diante deles; as suas vestes tornaram-se resplandecentes e sobremodo brancas, como nenhum lavandeiro na terra as poderia alvejar.
Algumas coisas nos chamam a atenção;Mais uma vez, Jesus traz para perto de si (e, agora, para uma experiência extraordinária) os 3 apóstolos e discípulos que o acompanharam mais de perto durante seus 3 anos e meio de ministério;6 dias após o dia em que Jesus chegou em Cesareia de Filipe, lugar onde ele predisse sua morte e ressurreição, lugar em que ensinou que salvação é igual a negar a si, tomar a cruz e segui-lo, seis dias após tudo isso, na mesma região, Jesus deixa a companhia de todos os discípulos e chama os 3 mais chegados para uma caminhada na montanha;ONDE FICAVA A CESAREIA DE FILIPE? (MAPA) Jesus sobe uma montanha com eles. Pela proximidade com Cesareia de Filipe, provavelmente tenha sido o Monte Hermon. Quando chegam no alto, Jesus é transfigurado;A transfiguração demonstra que Jesus é divino. Essa foi uma espécie de pré-visualização de como seria Jesus ressuscitado, embora nem todas as vezes em que apareceu após a ressurreição, apareceu com esta forma;A palavra grega que é usada aqui dá a impressão de que a aparência de Jesus foi totalmente transformada em outra...Provavelmente, a aparência de Jesus foi como é na glória - e os 3 discípulos pela primeira vez viram aquilo na vida;A forma como as vestes de Jesus resplandeciam, de certo modo pareceu com a aparência de Moisés quando desceu do Monte Sinai em Ex 24;Mc 9.4
Algumas coisas nos chamam a atenção;
RAApareceu-lhes Elias com Moisés, e estavam falando com Jesus.
Mais uma vez, Jesus traz para perto de si (e, agora, para uma experiência extraordinária) os 3 apóstolos e discípulos que o acompanharam mais de perto durante seus 3 anos e meio de ministério;
Mais uma vez, Jesus traz para perto de si (e, agora, para uma experiência extraordinária) os 3 apóstolos e discípulos que o acompanharam mais de perto durante seus 3 anos e meio de ministério;6 dias após o dia em que Jesus chegou em Cesareia de Filipe, lugar onde ele predisse sua morte e ressurreição, lugar em que ensinou que salvação é igual a negar a si, tomar a cruz e segui-lo, seis dias após tudo isso, na mesma região, Jesus deixa a companhia de todos os discípulos e chama os 3 mais chegados para uma caminhada na montanha;ONDE FICAVA A CESAREIA DE FILIPE? (MAPA) Jesus sobe uma montanha com eles. Pela proximidade com Cesareia de Filipe, provavelmente tenha sido o Monte Hermon. Quando chegam no alto, Jesus é transfigurado;A transfiguração demonstra que Jesus é divino. Essa foi uma espécie de pré-visualização de como seria Jesus ressuscitado, embora nem todas as vezes em que apareceu após a ressurreição, apareceu com esta forma;A palavra grega que é usada aqui dá a impressão de que a aparência de Jesus foi totalmente transformada em outra...Provavelmente, a aparência de Jesus foi como é na glória - e os 3 discípulos pela primeira vez viram aquilo na vida;A forma como as vestes de Jesus resplandeciam, de certo modo pareceu com a aparência de Moisés quando desceu do Monte Sinai em ;
6 dias após o dia em que Jesus chegou em Cesareia de Filipe, lugar onde ele predisse sua morte e ressurreição, lugar em que ensinou que salvação é igual a negar a si, tomar a cruz e segui-lo, seis dias após tudo isso, na mesma região, Jesus deixa a companhia de todos os discípulos e chama os 3 mais chegados para uma caminhada na montanha;
ONDE FICAVA A CESAREIA DE FILIPE? (MAPA)
Jesus sobe uma montanha com eles. Pela proximidade com Cesareia de Filipe, provavelmente tenha sido o Monte Hermon. Quando chegam no alto, Jesus é transfigurado;
Jesus sobe uma montanha com eles. Pela proximidade com Cesareia de Filipe, provavelmente tenha sido o Monte Hermon. Quando chegam no alto, Jesus é transfigurado;A transfiguração demonstra que Jesus é divino. Essa foi uma espécie de pré-visualização de como seria Jesus ressuscitado, embora nem todas as vezes em que apareceu após a ressurreição, apareceu com esta forma;A palavra grega que é usada aqui dá a impressão de que a aparência de Jesus foi totalmente transformada em outra...Provavelmente, a aparência de Jesus foi como é na glória - e os 3 discípulos pela primeira vez viram aquilo na vida;A forma como as vestes de Jesus resplandeciam, de certo modo pareceu com a aparência de Moisés quando desceu do Monte Sinai em ;
A transfiguração demonstra que Jesus é divino. Essa foi uma espécie de pré-visualização de como seria Jesus ressuscitado, embora nem todas as vezes em que apareceu após a ressurreição, apareceu com esta forma;
A palavra grega que é usada aqui dá a impressão de que a aparência de Jesus foi totalmente transformada em outra...Provavelmente, a aparência de Jesus foi como é na glória - e os 3 discípulos pela primeira vez viram aquilo na vida;
A forma como as vestes de Jesus resplandeciam, de certo modo pareceu com a aparência de Moisés quando desceu do Monte Sinai em ;
Marcos 9.4 RAApareceu-lhes Elias com Moisés, e estavam falando com Jesus.
RAApareceu-lhes Elias com Moisés, e estavam falando com Jesus.
Ambos tiveram encontros com Deus na montanha (Moisés de a 34 e Elias em );Ambos, provavelmente, representavam a Lei e os Profetas, e isso fica mais explícito no final do AT, em
Ambos tiveram encontros com Deus na montanha (Moisés de Ex 19 a 34 e Elias em 1Re 19);Ambos, provavelmente, representavam a Lei e os Profetas, e isso fica mais explícito no final do AT, em Ml 4.4-6
RALembrai-vos da Lei de Moisés, meu servo, a qual lhe prescrevi em Horebe para todo o Israel, a saber, estatutos e juízos. Eis que eu vos enviarei o profeta Elias, antes que venha o grande e terrível Dia do Senhor; ele converterá o coração dos pais aos filhos e o coração dos filhos a seus pais, para que eu não venha e fira a terra com maldição.
Ambos tiveram encontros com Deus na montanha (Moisés de a 34 e Elias em );
Ambos, provavelmente, representavam a Lei e os Profetas, e isso fica mais explícito no final do AT, em
Estas são as últimas palavras do Antigo Testamento;Nelas encontramos, curiosamente, Moisés e Elias sendo representados como as principais figuras dentre aqueles que escreveram Leis e os que Profetizaram ao povo de Israel;E eles falavam com Jesus;Então, Pedro, o cabeça e principal líder dentre os apóstolos, começa a falar:Mc 9.5-6
Malaquias 4.4–6 RALembrai-vos da Lei de Moisés, meu servo, a qual lhe prescrevi em Horebe para todo o Israel, a saber, estatutos e juízos. Eis que eu vos enviarei o profeta Elias, antes que venha o grande e terrível Dia do Senhor; ele converterá o coração dos pais aos filhos e o coração dos filhos a seus pais, para que eu não venha e fira a terra com maldição.
RALembrai-vos da Lei de Moisés, meu servo, a qual lhe prescrevi em Horebe para todo o Israel, a saber, estatutos e juízos. Eis que eu vos enviarei o profeta Elias, antes que venha o grande e terrível Dia do Senhor; ele converterá o coração dos pais aos filhos e o coração dos filhos a seus pais, para que eu não venha e fira a terra com maldição.
Estas são as últimas palavras do Antigo Testamento;
Estas são as últimas palavras do Antigo Testamento;Nelas encontramos, curiosamente, Moisés e Elias sendo representados como as principais figuras dentre aqueles que escreveram Leis e os que Profetizaram ao povo de Israel;E eles falavam com Jesus;Então, Pedro, o cabeça e principal líder dentre os apóstolos, começa a falar:Mc 9.5-6
RAEntão, Pedro, tomando a palavra, disse: Mestre, bom é estarmos aqui e que façamos três tendas: uma será tua, outra, para Moisés, e outra, para Elias. Pois não sabia o que dizer, por estarem eles aterrados.
Nelas encontramos, curiosamente, Moisés e Elias sendo representados como as principais figuras dentre aqueles que escreveram Leis e os que Profetizaram ao povo de Israel;
E eles falavam com Jesus;Então, Pedro, o cabeça e principal líder dentre os apóstolos, começa a falar:Mc 9.5-6
O próprio texto diz que Pedro não sabia o que dizer, por isso disse isso, provavelmente querendo entrar na conversa que não era com ele;Moisés e Elias, e nem mesmo Jesus, responderam ao que Pedro disso, mas Deus que apareceu em forma de uma nuvem dizendo:
RAEntão, Pedro, tomando a palavra, disse: Mestre, bom é estarmos aqui e que façamos três tendas: uma será tua, outra, para Moisés, e outra, para Elias. Pois não sabia o que dizer, por estarem eles aterrados.
Marcos 9.5–6 RAEntão, Pedro, tomando a palavra, disse: Mestre, bom é estarmos aqui e que façamos três tendas: uma será tua, outra, para Moisés, e outra, para Elias. Pois não sabia o que dizer, por estarem eles aterrados.
O próprio texto diz que Pedro não sabia o que dizer, por isso disse isso, provavelmente querendo entrar na conversa que não era com ele;Moisés e Elias, e nem mesmo Jesus, responderam ao que Pedro disso, mas Deus que apareceu em forma de uma nuvem dizendo:
Almeida Revista e Atualizada Capítulo 9Este é o meu Filho amado; a ele ouvi.
O próprio texto diz que Pedro não sabia o que dizer, por isso disse isso, provavelmente querendo entrar na conversa que não era com ele;
Moisés e Elias, e nem mesmo Jesus, responderam ao que Pedro disso, mas Deus que apareceu em forma de uma nuvem dizendo:
Almeida Revista e Atualizada Capítulo 9Este é o meu Filho amado; a ele ouvi.
Quando Pedro sugere as 3 tendas, é possível que tivesse pensado em uma das festas que os judeus celebravam anualmente;Sukkot, ou, Festa das Cabanas (ou dos Tabernáculos) é uma festa que os judeus comemoram até hoje no dia 15 de Tishrei (no nosso calendário, cai quase sempre no início de outubro - este ano, dia 15 de Tishrei será no dia 5 de outubro, uma quinta-feira);Ela é uma das três maiores festas judaicas, junto com a Páscoa e a Festa das Colheitas (ou, das Primícias - Pêssach, Shavuot e Sucot, as chamadas Shalosh Regalim "Três Peregrinações");Atualmente, entre 50 a 100 mil pessoas vão para Jerusalém pra comemorar esta festa diante do Muro das Lamentações;Pedro, quando diz o que está em , provavemente tinha isso em mente;
Almeida Revista e Atualizada Capítulo 9Este é o meu Filho amado; a ele ouvi.
RAEntão, Pedro, tomando a palavra, disse: Mestre, bom é estarmos aqui e que façamos três tendas: uma será tua, outra, para Moisés, e outra, para Elias.
Quando Pedro sugere as 3 tendas, é possível que tivesse pensado em uma das festas que os judeus celebravam anualmente;Sukkot, ou, Festa das Cabanas (ou dos Tabernáculos) é uma festa que os judeus comemoram até hoje no dia 15 de Tishrei (no nosso calendário, cai quase sempre no início de outubro - este ano, dia 15 de Tishrei será no dia 5 de outubro, uma quinta-feira);Ela é uma das três maiores festas judaicas, junto com a Páscoa e a Festa das Colheitas (ou, das Primícias - Pêssach, Shavuot e Sucot, as chamadas Shalosh Regalim "Três Peregrinações");Atualmente, entre 50 a 100 mil pessoas vão para Jerusalém pra comemorar esta festa diante do Muro das Lamentações;Pedro, quando diz o que está em Mc 9.5, provavemente tinha isso em mente;
Quando Pedro sugere as 3 tendas, é possível que tivesse pensado em uma das festas que os judeus celebravam anualmente;
Sukkot, ou, Festa das Cabanas (ou dos Tabernáculos) é uma festa que os judeus comemoram até hoje no dia 15 de Tishrei (no nosso calendário, cai quase sempre no início de outubro - este ano, dia 15 de Tishrei será no dia 5 de outubro, uma quinta-feira);
Ela é uma das três maiores festas judaicas, junto com a Páscoa e a Festa das Colheitas (ou, das Primícias - Pêssach, Shavuot e Sucot, as chamadas Shalosh Regalim "Três Peregrinações");
Atualmente, entre 50 a 100 mil pessoas vão para Jerusalém pra comemorar esta festa diante do Muro das Lamentações;Pedro, quando diz o que está em , provavelmente tinha isso em mente;
Esta festa comemorava o tempo em que Israel viveu em tendas no deserto, durante o êxodo;Estas tendas também simbolizavam o abrigo que encontramos na presença de Deus que protege seu povo através do deserto para a terra prometida, e Deus fez isso na forma justamente de uma nuvem, justamente como Ele faz aqui, em ;Então, quando a voz é ouvida das nuvens, ela reafirma o que Pedro havia dito sobre o Messias, poucos dias antes;Algo curioso é que Deus havia se encontrado com Moisés e com Elias em dois montes quando estes eram vivos;O que é mais interessante é que muitos estudiosos do AT afirmam que, quando Deus apareceu a Moisés e a Elias, na verdade quem havia aparecido era Jesus;Enquanto Moisés e Elias falam com Jesus no monte, a voz da nuvem, de Deus Pai, fala com os discípulos mais chegados de Jesus - esta é a mesma voz e a mesma mensagem ouvida no batismo de Jesus em
Marcos 9.5 RAEntão, Pedro, tomando a palavra, disse: Mestre, bom é estarmos aqui e que façamos três tendas: uma será tua, outra, para Moisés, e outra, para Elias.
RAEntão, Pedro, tomando a palavra, disse: Mestre, bom é estarmos aqui e que façamos três tendas: uma será tua, outra, para Moisés, e outra, para Elias.
Esta festa comemorava o tempo em que Israel viveu em tendas no deserto, durante o êxodo;Estas tendas também simbolizavam o abrigo que encontramos na presença de Deus que protege seu povo através do deserto para a terra prometida, e Deus fez isso na forma justamente de uma nuvem, justamente como Ele faz aqui, em Mc 9;Então, quando a voz é ouvida das nuvens, ela reafirma o que Pedro havia dito sobre o Messias, poucos dias antes;Algo curioso é que Deus havia se encontrado com Moisés e com Elias em dois montes quando estes eram vivos;O que é mais interessante é que muitos estudiosos do AT afirmam que, quando Deus apareceu a Moisés e a Elias, na verdade quem havia aparecido era Jesus;Enquanto Moisés e Elias falam com Jesus no monte, a voz da nuvem, de Deus Pai, fala com os discípulos mais chegados de Jesus - esta é a mesma voz e a mesma mensagem ouvida no batismo de Jesus em Mc 1.11
RAEntão, foi ouvida uma voz dos céus: Tu és o meu Filho amado, em ti me comprazo.
Esta festa comemorava o tempo em que Israel viveu em tendas no deserto, durante o êxodo;
Estas tendas também simbolizavam o abrigo que encontramos na presença de Deus que protege seu povo através do deserto para a terra prometida, e Deus fez isso na forma justamente de uma nuvem, justamente como Ele faz aqui, em ;
Então, quando a voz é ouvida das nuvens, ela reafirma o que Pedro havia dito sobre o Messias, poucos dias antes;
Algo curioso é que Deus havia se encontrado com Moisés e com Elias em dois montes quando estes eram vivos;
O que é mais interessante é que muitos estudiosos do AT afirmam que, quando Deus apareceu a Moisés e a Elias, na verdade quem havia aparecido era Jesus;
Enquanto Moisés e Elias falam com Jesus no monte, a voz da nuvem, de Deus Pai, fala com os discípulos mais chegados de Jesus - esta é a mesma voz e a mesma mensagem ouvida no batismo de Jesus em
Quando o texto segue, o que encontramos é que, no final da transfiguração, Jesus conversa com eles sobre a ressurreição;
Marcos 1.11 RAEntão, foi ouvida uma voz dos céus: Tu és o meu Filho amado, em ti me comprazo.
RAEntão, foi ouvida uma voz dos céus: Tu és o meu Filho amado, em ti me comprazo.
Quando o texto segue, o que encontramos é que, no final da transfiguração, Jesus conversa com eles sobre a ressurreição;
RAAo descerem do monte, ordenou-lhes Jesus que não divulgassem as coisas que tinham visto, até o dia em que o Filho do Homem ressuscitasse dentre os mortos. Eles guardaram a recomendação, perguntando uns aos outros que seria o ressuscitar dentre os mortos.
Quando o texto segue, o que encontramos é que, no final da transfiguração, Jesus conversa com eles sobre a ressurreição;Mc 9.9-10
Eles até sabiam o que é ressurreição, mas não fazia sentido Jesus dizer aquelas coisas. Para eles, como para muitos, Jesus não morreria antes de restaurar o Reino de Israel, libertando-os do domínio Romano;Mas, o que o pedido de Jesus significava era que a glória de Jesus seria revelada a todos após a sua ressurreição (e eles vieram a entender bem isso somente quando ela aconteceu);O texto termina com uma pergunta dos 3 apóstolos:Mc 9.11-13
RAAo descerem do monte, ordenou-lhes Jesus que não divulgassem as coisas que tinham visto, até o dia em que o Filho do Homem ressuscitasse dentre os mortos. Eles guardaram a recomendação, perguntando uns aos outros que seria o ressuscitar dentre os mortos.
Marcos 9.9–10 RAAo descerem do monte, ordenou-lhes Jesus que não divulgassem as coisas que tinham visto, até o dia em que o Filho do Homem ressuscitasse dentre os mortos. Eles guardaram a recomendação, perguntando uns aos outros que seria o ressuscitar dentre os mortos.
Eles até sabiam o que é ressurreição, mas não fazia sentido Jesus dizer aquelas coisas. Para eles, como para muitos, Jesus não morreria antes de restaurar o Reino de Israel, libertando-os do domínio Romano;
RAE interrogaram-no, dizendo: Por que dizem os escribas ser necessário que Elias venha primeiro? Então, ele lhes disse: Elias, vindo primeiro, restaurará todas as coisas; como, pois, está escrito sobre o Filho do Homem que sofrerá muito e será aviltado? Eu, porém, vos digo que Elias já veio, e fizeram com ele tudo o que quiseram, como a seu respeito está escrito.
Eles até sabiam o que é ressurreição, mas não fazia sentido Jesus dizer aquelas coisas. Para eles, como para muitos, Jesus não morreria antes de restaurar o Reino de Israel, libertando-os do domínio Romano;Mas, o que o pedido de Jesus significava era que a glória de Jesus seria revelada a todos após a sua ressurreição (e eles vieram a entender bem isso somente quando ela aconteceu);O texto termina com uma pergunta dos 3 apóstolos:Mc 9.11-13
Mas, o que o pedido de Jesus significava era que a glória de Jesus seria revelada a todos após a sua ressurreição (e eles vieram a entender bem isso somente quando ela aconteceu);
O texto termina com uma pergunta dos 3 apóstolos:Mc 9.11-13
Essa expressão de Jesus no verso 12 de "Elias, vindo primeiro, restaurará todas as coisas", não está no livros do Antigo Testamento, mas em um livro muito lido pelos judeus e que não era inspirado, o livro de Eclesiástico (Sirach, em hebraico), que alguns chamam de apócrifo ou deuterocanônico;Jesus está citando um deuterocanônico aqui, e referência é ;
Marcos 9.11–13 RAE interrogaram-no, dizendo: Por que dizem os escribas ser necessário que Elias venha primeiro? Então, ele lhes disse: Elias, vindo primeiro, restaurará todas as coisas; como, pois, está escrito sobre o Filho do Homem que sofrerá muito e será aviltado? Eu, porém, vos digo que Elias já veio, e fizeram com ele tudo o que quiseram, como a seu respeito está escrito.
RAE interrogaram-no, dizendo: Por que dizem os escribas ser necessário que Elias venha primeiro? Então, ele lhes disse: Elias, vindo primeiro, restaurará todas as coisas; como, pois, está escrito sobre o Filho do Homem que sofrerá muito e será aviltado? Eu, porém, vos digo que Elias já veio, e fizeram com ele tudo o que quiseram, como a seu respeito está escrito.
Essa expressão de Jesus no verso 12 de "Elias, vindo primeiro, restaurará todas as coisas", não está no livros do Antigo Testamento, mas em um livro muito lido pelos judeus e que não era inspirado, o livro de Eclesiástico (Sirach, em hebraico), que alguns chamam de apócrifo ou deuterocanônico;Jesus está citando um deuterocanônico aqui, e referência é Eclesiástico 48.10;
"tu que foste designado nas ameaças do furor, para apaziguar a cólera antes do furor, para reconduzir o coração dos pais aos filhos e restabelecer as tribos de Jacó"
Essa expressão de Jesus no verso 12 de "Elias, vindo primeiro, restaurará todas as coisas", não está no livros do Antigo Testamento, mas em um livro muito lido pelos judeus e que não era inspirado, o livro de Eclesiástico (Sirach, em hebraico), que alguns chamam de apócrifo ou deuterocanônico;
Jesus está citando um deuterocanônico aqui, e referência é ;
"tu que foste designado nas ameaças do furor, para apaziguar a cólera antes do furor, para reconduzir o coração dos pais aos filhos e restabelecer as tribos de Jacó"
"tu que foste designado nas ameaças do furor, para apaziguar a cólera antes do furor, para reconduzir o coração dos pais aos filhos e restabelecer as tribos de Jacó"
Eclesiástico 48.10
Quando João Batista começou seu ministério, Jesus o associou às profecias sobre a vindo de Elias nos dias anteriores ao Messias para restaurar as tribos de Israel, coisa que João Batista fez pregando o arrependimento e apontando o caminho para o Cordeiro de Deus que era Jesus;No verso 13 , Jesus recorda o modo como João foi assassinado;

CONCLUSÃO

Quando João Batista começou seu ministério, Jesus o associou às profecias sobre a vindo de Elias nos dias anteriores ao Messias para restaurar as tribos de Israel, coisa que João Batista fez pregando o arrependimento e apontando o caminho para o Cordeiro de Deus que era Jesus;
Quando João Batista começou seu ministério, Jesus o associou às profecias sobre a vindo de Elias nos dias anteriores ao Messias para restaurar as tribos de Israel, coisa que João Batista fez pregando o arrependimento e apontando o caminho para o Cordeiro de Deus que era Jesus;No verso 13 , Jesus recorda o modo como João foi assassinado;
No verso 13 , Jesus recorda o modo como João foi assassinado;

CONCLUSÃO

CONCLUSÃO

Como seria se Deus nos desse a chance de ver na terra um pouco de como será no céu?Será que nossa fé seria mais fortalecida?Será que nunca mais trairíamos a Jesus?Será que se víssemos o céu aberto, não precisaríamos mais das Escrituras para nos guiar e ensinar?O que vimos neste texto é um pouco sobre como 3 discípulos de Jesus tiveram a experiência mais fantástica já vivida sobre a terra, e como isso não fez muita diferença no modo como eles continuaram a viver;Pelos contrário, a própria visão que tiveram apontou para a Lei e os Profetas, ali representados por Moisés e Elias;Vimos que, mesmo tendo vivido uma experiência extraordinária, estes 3 discípulos foram capazes de negar e abandonar Jesus quando se viram em momentos de aflição;Se eles passaram por isso, não pense que você e eu não podemos passar;Para que permaneçamos firmes é necessário que nos apeguemos às Escrituras e não às experiências;O que sustentou Pedro, Tiago e João em suas vidas não foram as experiências que tiveram como Jesus, mas o que o Espírito Santo revelou sobre Jesus e o Pai através das Escrituras que eles acabaram sendo usados para terminar de escrever;Assim é conosco hoje também;Não acredite que as respostas de oração são suficientes para manter sua fé;Você precisa de Jesus e das palavras dele;É só Jesus e Suas Palavras que podem manter nossos olhos surpresos pelo que há no céu;A verdadeira janela para o céu é Jesus e Sua Palavra;Somente nela nosso coração encontrará alegria e prazer celestiais, os quais não podem ser encontrados em nenhum outro lugar neste mundo.
Como seria se Deus nos desse a chance de ver na terra um pouco de como será no céu?
Como seria se Deus nos desse a chance de ver na terra um pouco de como será no céu?Será que nossa fé seria mais fortalecida?Será que nunca mais trairíamos a Jesus?Será que se víssemos o céu aberto, não precisaríamos mais das Escrituras para nos guiar e ensinar?O que vimos neste texto é um pouco sobre como 3 discípulos de Jesus tiveram a experiência mais fantástica já vivida sobre a terra, e como isso não fez muita diferença no modo como eles continuaram a viver;Pelos contrário, a própria visão que tiveram apontou para a Lei e os Profetas, ali representados por Moisés e Elias;Vimos que, mesmo tendo vivido uma experiência extraordinária, estes 3 discípulos foram capazes de negar e abandonar Jesus quando se viram em momentos de aflição;Se eles passaram por isso, não pense que você e eu não podemos passar;Para que permaneçamos firmes é necessário que nos apeguemos às Escrituras e não às experiências;O que sustentou Pedro, Tiago e João em suas vidas não foram as experiências que tiveram como Jesus, mas o que o Espírito Santo revelou sobre Jesus e o Pai através das Escrituras que eles acabaram sendo usados para terminar de escrever;Assim é conosco hoje também;Não acredite que as respostas de oração são suficientes para manter sua fé;Você precisa de Jesus e das palavras dele;É só Jesus e Suas Palavras que podem manter nossos olhos surpresos pelo que há no céu;A verdadeira janela para o céu é Jesus e Sua Palavra;Somente nela nosso coração encontrará alegria e prazer celestiais, os quais não podem ser encontrados em nenhum outro lugar neste mundo.
Será que nossa fé seria mais fortalecida?
Será que nunca mais trairíamos a Jesus?
Será que se víssemos o céu aberto, não precisaríamos mais das Escrituras para nos guiar e ensinar?
O que vimos neste texto é um pouco sobre como 3 discípulos de Jesus tiveram a experiência mais fantástica já vivida sobre a terra, e como isso não fez muita diferença no modo como eles continuaram a viver;
Pelos contrário, a própria visão que tiveram apontou para a Lei e os Profetas, ali representados por Moisés e Elias;
Vimos que, mesmo tendo vivido uma experiência extraordinária, estes 3 discípulos foram capazes de negar e abandonar Jesus quando se viram em momentos de aflição;
Se eles passaram por isso, não pense que você e eu não podemos passar;
Para que permaneçamos firmes é necessário que nos apeguemos às Escrituras e não às experiências;
O que sustentou Pedro, Tiago e João em suas vidas não foram as experiências que tiveram como Jesus, mas o que o Espírito Santo revelou sobre Jesus e o Pai através das Escrituras que eles acabaram sendo usados para terminar de escrever;
Assim é conosco hoje também;
Não acredite que as respostas de oração são suficientes para manter sua fé;
Você precisa de Jesus e das palavras dele;
É só Jesus e Suas Palavras que podem manter nossos olhos surpresos pelo que há no céu;
A verdadeira janela para o céu é Jesus e Sua Palavra;
Somente nela nosso coração encontrará alegria e prazer celestiais, os quais não podem ser encontrados em nenhum outro lugar neste mundo.
RELATED MEDIA
See the rest →
RELATED SERMONS
See the rest →