O Sofrimento dos Justos e o Consolo de Deus

Sermon  •  
0 ratings
· 6 views
Notes & Transcripts

CULTO IBBP

29/04/2007

PREGADOR: SEM. RODRIGO SERRAO

TÍTULO:  O SOFRIMENTO DO JUSTO E O CONSOLO DE DEUS

TEXTOS: 2 CORÍNTIOS 1.3-7

 

INTRODUÇÃO

 

EU SERIA MUITO INGÊNUO EM PENSAR QUE TODAS AS PESSOAS AQUI PRESENTES ESTA NOITE, ESTÃO TÃO ALEGRES E FELIZES POR DENTRO, COMO ELAS APARENTAM ESTAR POR FORA.

 

PORÉM, EU SEI QUE NESTE AUDITÓRIO, EXISTEM PESSOAS QUE ESTÃO SOFRENDO, E AS VEZES NEM SABEM BEM O PORQUE DESTE SOFRIMENTO. SÃO DORES TALVEZ FÍSICAS OU TALVEZ NA ALMA, PORÉM, A RAIZ DESTA DOR AINDA É DESCONHECIDA.

 

OUTRAS PORÉM, SABEM EXATAMENTE PORQUE SOFREM. A FONTE DA DOR, POR MAIS DIFERENTE QUE SEJA, É CONHECIDA. TALVEZ SEJA UMA DOENÇA, OU TALVEZ SEJA UM SOFRIMENTO POR UMA SITUAÇÃO AO QUAL ELA NÃO TEM O CONTROLE E POR ISSO MESMO, POR TER QUE ESPERAR UMA SOLUÇÃO DE DEUS, ELA SOFRE.

 

EXISTE TAMBÉM AQUI UM TERCEIRO GRUPO.  ESTE GRUPO SE CONSTITUE DAQUELES QUE SABEM O QUE É SOFRER, JÁ PASSARAM PELO QUE A BÍBLIA CHAMA DA NOITE ESCURA DA ALMA, MAS NESTE MOMENTO, PELA MISERICÓRDIA DE DEUS, ESTÃO PASSANDO POR UMA FASE DE BONANÇA, OU SEJA, O SOFRIMENTO PASSOU.

 

PORTANTO, A QUESTÃO DO SOFRIMENTO É BASTANTE COMUM ENTRE NÓS CRISTÃOS, APESAR QUE INDESEJADA.  NENHUM DE NÓS GOSTAMOS DE SOFRER, E POR ISSO, QUEREMOS FUGIR DO SOFRIMENTO.

 

INFELIZMENTE PORÉM, COM O SURGIMENTO DA TEOLOGIA DA PROSPERIDADE, ALIADO AO NOSSO DESEJO DE FUGIR DA REALIDADE DO SOFRIMENTO, MUITOS CRISTÃOS NÃO ENTENDEM AS RAZÕES PELA QUAL DEUS PERMITE O SOFRIMENTO OU ATÉ MESMO TRAZ SOFRIMENTO ÀS NOSSAS VIDAS.  ESTAS PESSOAS MUITAS VEZES AGEM COM A MESMA ATITUDE DA MULHER DE JÓ, QUE AO VER O SOFRIMENTO DO MARIDO DISSE: “AMALDIÇOE A DEUS, E MORRA!” (JÓ 2.9)

 

MUITAS PESSOAS IGNORAM OU DESCONHECEM OS BENEFÍCIOS DO SOFRIMENTO.

 

POR MAIS PARADOXAL QUE ISTO POSSA SOAR AOS NOSSOS OUVIDOS, EXISTE SIM, BENEFÍCIOS A SEREM TIRADOS DO SOFRIMENTO.

ALGUMAS IGREJAS INFELIZMENTE ENSINAM QUE O CRISTÃO NÃO FOI FEITO PARA SOFRER, E QUE O SOFRIMENTO É CONSEQUÊNCIA DIRETA DO PECADO EM SUAS VIDAS. 

PORTANTO, SEGUNDO OS DEFENSORES DESTA TEOLOGIA, CRENTE FIEL, DEDICADO, PIEDOSO, E EM COMUNHÃO COM SEU PRÓXIMO, COM SUA IGREJA E COM DEUS, NÃO SOFRE!!

 

POR MAIS QUE ISTO SOE MARAVILHOSO, INFELIZMENTE É UMA DAS MAIORES MENTIRAS DO DIABO.

 

O PROBLEMA DO SOFRIMENTO HUMANO É TANTO PARA OS JUSTOS, QUANTO PARA OS INJUSTOS.  O QUE MUDA NO ENTANTO SÃO OS PROPÓSITOS DE DEUS PARA O SOFRIMENTO DESTES DOIS TIPOS DE PESSOAS. 

 

Selma Lagerlof uma vez disse: Ninguém pode livrar os homens da dor, mas será bendito aquele que fizer renascer neles a coragem para a suportar.

Portanto:

A MINHA INTENÇÃO NESTA NOITE NÃO É ESGOTAR TODO O ENSINO BÍBLICO ACERCA DO SOFRIMENTO DOS JUSTOS, PORÉM, É TRAZER AO SEU CORAÇÃO UM POUCO DE PAZ E DE ALENTO DIANTE DAS ANGÚSTIAS QUE A VIDA NOS PROPORCIONA.

 

É TENTAR SER UM BENDITO PARA A SUA VIDA.

 

TAMBÉM QUERO, À LUZ DOS ENSINOS DO APÓSTOLO PAULO, TRAZER À TODOS DA IGREJA, UMA VISÃO EQUILIBRADA  DA RAZÃO E DO PROPÓSITO DO SOFRIMENTO NA VIDA DE UM CRISTÃO.

 

COM ISTO EM MENTE E COM O CORAÇÃO E OUVIDOS ABERTOS PARA A PALAVRA DE DEUS, ABRAMOS-NA NO LIVRO DE 2 CORÍNTIOS 1.3-7.

 

  1. Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai das misericórdias e o Deus de toda a consolação,
  2. Que nos consola em toda a nossa tribulação, para que também possamos consolar os que estiverem em alguma tribulação, com a consolação com que nós mesmos somos consolados de Deus.
  3. Porque, como as aflições de Cristo transbordam em nós, assim, também, a nossa consolação transborda, por meio de Cristo.
  4. Mas, se somos atribulados, é para vossa consolação e salvação; ou, se somos consolados, para vossa consolação é, a qual se opera, suportando com paciência as mesmas aflições que nós, também, padecemos;
  5. E a nossa esperança acerca de vós é firme, sabendo que, como sois participantes das nossas aflições, assim o sereis, também, da nossa consolação.

 

 

NÃO PRECISAMOS IR TÃO LONGE PARA VERMOS QUE HÁ BASTANTE SOFRIMENTO ACONTECENDO NO MUNDO. OS MEIOS DE COMUNICAÇÃO SE ENCARREGAM DA FUNÇÃO DE NOS MOSTRAR O DRAMA DOS SERES HUMANOS NO BRASIL E FORA DELE.   

 

ATRAVÉS DA TELA DA TELEVISÃO, DO MONITOR DOS COMPUTADORES, DAS FOLHAS DE JORNAIS, A NOTÍCIA JORNALÍSTICA MUITAS VEZES NOS TRAZ NOTÍCIAS DE GUERRAS MUNDIAIS, DE CATÁSTROFES DA NATUREZA, DE SURGIMENTO DE NOVAS DOENÇAS, DE MORTE, DE INJUSTIÇA, FOME, DE DOR, ETC...

 

ASSIM, TEMOS ACESSO À DOR DO MUNDO. 

 

PORÉM, ASSIM COMO OS HOMENS SOFREM VÍTIMAS DAS GUERRAS NO IRAQUE, E DA FOME E DOENÇA EM VÁRIOS PAÍSES AFRICANOS, NOS LEVANDO A VER O SOFRIMENTO BEM LONGE DE NÓS...

...VEMOS QUE DENTRO DO NOSSO ALCANCE TAMBÉM HÁ SOFRIMENTOS E ANGÚSTIAS. 

 

VEMOS QUE MESMO DENTRO DE NOSSA ZONA DE SEGURANÇA, NÃO ESCAPAMOS DO SOFRIMENTO. 

 

VEMOS QUE MESMO DENTRO DOS AMBIENTES QUE NOS SÃO FAMILIARES (NOSSA CASA, TRABALHO, IGREJA, ETC) AINDA ASSIM SOMOS VÍTIMAS DA DOR E DO SOFRIMENTO, TANTO COMO CONSEQUÊNCIA DA DOR DOS OUTROS (E QUE NOS ATINGE, FAZENDO-NOS SOFRER TAMBÉM), COMO A NOSSA PRÓPRIA DOR E SOFRIMENTO.

 

E FOI NESTE CONTEXTO DE NARRAR A SUA DOR E SEU SOFRIMENTO COMO A TENTATIVA DE DEFENDER O SEU APOSTOLADO, QUE PAULO ESCREVEU A CARTA DE 2 CORÍNTIOS. 

 

ELUCIDAÇÃO BÍBLICA

 

ESTA CARTA DE 2 CORÍNTIOS É A CARTA MAIS AUTOBIOGRÁFICA DENTRE TODAS AS CARTAS ESCRITAS PELO APÓSTOLO PAULO. 

 

A RELAÇÃO DE PAULO COM A IGREJA EM CORINTO FOI LONGA E BASTANTE COMPLEXA. PAULO VISITOU A IGREJA DE CORINTO TRÊS VEZES, PAULO ENVIOU PESSOAS DELE A CORINTO, E MEMBROS DA CONGREGAÇÃO DE CORINTO VISITARAM PAULO QUANDO ESTE MINISTRAVA EM ÉFESO.    

 

ALÉM DESTES CONTATOS PESSOAIS, PAULO ENVIOU VÁRIAS CARTAS ÀS IGREJAS DE CORINTO, TENDO RECEBIDO PROVAVELMENTE APENAS UMA.

 

CONTUDO, DURANTE O PERÍODO ENTRE AS CARTAS CHAMADAS PRIMEIRO E SEGUNDO CORÍNTIOS, MUITAS COISAS NA VIDA DA IGREJA HAVIAM MUDADO.

 

QUANDO PAULO ESCREVEU PRIMEIRO CORÍNTIOS, OS PROBLEMAS ABORDADOS NA CARTA ESTAVAM DENTRO DA IGREJA, OU SEJA, ESCANDALOS DOS MAIS VARIADOS, QUESTÕES SOBRE OS DONS ESPIRITUAIS, PROBLEMAS ACERCA DA RESSURREIÇÃO DE CRISTO, ETC...

 

JÁ DEPOIS, QUANDO ELE ESCREVE A SUA SEGUNDA CARTA, O PROBLEMA AGORA ERA ENTRE ELE E A IGREJA.  PAULO ESCREVE NO SENTIDO DE COMBATER OS FALSOS ENSINOS E DE DEFENDER O SEU APOSTOLADO. 

 

E O PROBLEMA MAIOR DO DESCRÉDITO DO APOSTOLADO DE PAULO ERA EM RELAÇÃO AOS SEUS SOFRIMENTOS E TRIBULAÇÕES.

 

SEGUNDO OS FALSOS APÓSTOLOS (QUE ESTAVAM INFILTRANDO ENSINOS ERRADOS NA IGREJA), PAULO NÃO ERA UM APÓSTOLO VERDADEIRO.

COMO PAULO PODERIA SER CHEIO DO ESPÍRITO SANTO, SE SUA PRÓPRIA VIDA ERA CHEIA DE SOFRIMENTOS, ANSIEDADES E LUTAS??

 

PORÉM, É NESTE CONTEXTO QUE PAULO VAI MOSTRAR QUE SUAS LUTAS SÃO EXATAMENTE A PROVA DE SUA SERVIDÃO A CRISTO. 

 

PORTANTO, LOGO NO ÍNICIO DA CARTA, PAULO JÁ ABORDA O TEMA DO SOFRIMENTO.

 

E O QUE PAULO NOS ENSINA NESTES PRIMEIROS VERSÍCULOS ACERCA DO NOSSO SOFRIMENTO?

 

DIVISÕES DO SERMÃO

 

1)      SOFREMOS PORQUE CRISTO TAMBÉM SOFREU (V.5A)

5.      Porque, como as aflições de Cristo transbordam em nós...

 

UMA DAS GRANDES CARACTERÍSTICAS DE JESUS FOI O SEU SOFRIMENTO. 

JESUS É CONHECIDO EM TODO O MUNDO ATRAVÉS DESTAS TRÊS GRANDES CARACTERÍSTICAS:

  • O ENSINO DE JESUS / MUITOS DIZEM: “ELE FOI UM GRANDE MESTRE.”
  • O AMOR DE JESUS / PESSOAS FALAM: “AQUELES QUE O SEGUEM NÃO AMAM COMO ELE AMOU.”
  • O SOFRIMENTO DE JESUS / O FILME “PAIXÃO DE CRISTO” MOSTRA COM TODA PRODUÇÃO DE HOLLYWOOD, O SOFRIMENTO, MORTE E RESSURREIÇÃO DE JESUS. ESTE FOI TALVEZ O FILME SOBRE JESUS MAIS VISTO NO MUNDO.

 

 

PORTANTO, SE ARRANCARMOS O SOFRIMENTO DA VIDA DE JESUS, NÃO TEREMOS EVANGELHO. 

 

É MUITO DIFÍCIL DE SE IMAGINAR UM CRISTO SEM SOFRER A DOR DA TRAIÇÃO, DA NEGAÇÃO DE UM AMIGO, DA HUMILHAÇÃO.

 

É INCONCEBÍVEL VER UM CRISTO SEM O SUOR QUE SE TRANSFORMA EM SANGUE, UM CRISTO SEM A AGONIA E CHORO POR UMA ORAÇÃO DE LIVRAMENTO.

 

É IMPOSSÍVEL SE PENSAR EM UM CRISTO SEM CRUZ, SEM COROA DE ESPINHOS, SEM CRAVOS ENFINCADOS EM SUAS MÃOS E PÉS. 

 

NÃO POSSO IMAGINAR EM UM CRISTO SALVADOR, SEM SANGUE, SEM MORTE, SEM SACRIFÍCIO, SEM SOFRIMENTO.

 

O LIVRO DE HEBREUS DIZ SOBRE JESUS QUE:

“EMBORA SENDO FILHO, APRENDEU A OBEDIÊNCIA PELAS COISAS QUE SOFREU” (HEB. 5.8)

 

PORTANTO, MESMO SENDO CRISTO SEM PECADOS, SEM MANCHAS, SEM CULPA, ELE TEVE QUE SOFRER TODAS AS CONSEQUENCIAS DO QUE É ESTAR EM CARNE, OU SEJA, DO QUE É SER JESUS CRISTO HOMEM.

 

E FOI POR CAUSA DO SOFRIMENTO DE JESUS CRISTO, PARA SALVAR A HUMANIDADE, QUE HOJE, NÓS QUE CREMOS EM SEU NOME, TAMBÉM SOFREMOS. 

 

PEDRO ESCREVENDO PARA OS CRISTÃOS QUE SOFRIAM PERSEGUIÇÃO POR CAUSA DE SUA FÉ, DIZ QUE FOI PARA ISSO QUE ELES HAVIAM SIDO CHAMADOS, POIS CRISTO TAMBÉM HAVIA SOFRIDO NO LUGAR DELES, DEIXANDO O EXEMPLO PARA SER SEGUIDO.” (1 PEDRO 2.21)

 

PORTANTO, EM UM MUNDO CAÍDO SER CRISTÃO NÃO NOS GARANTE SOFRER MENOS, AO CONTRÁRIO, ASSIM COMO NOSSO MESTRE SOFREU POR NÓS, NÓS SOFREREMOS TAMBÉM.

 

JESUS DISSE QUE SE ALGUÉM QUISER SEGUÍ-LO, NEGUE-SE A SI MESMO, TOME A SUA CRUZ E SIGA-O.

 

PORÉM NÃO SOFREMOS APENAS PORQUE JESUS SOFREU;

 

SEGUNDO PAULO NO TEXTO EM QUE LEMOS,

 

 

 

 

2) SOFREMOS PARA QUE DEUS NOS CONSOLE (VS. 3, 4A)

3. Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai das misericórdias e o Deus de toda a consolação, 4. Que nos consola em toda a nossa tribulação...

 

SOMOS NATURALMENTE MAUS.  NOSSA NATUREZA É AVERSA AO QUE DEUS PLANEJOU PARA NÓS.

 

MESMO SENDO CRISTÃOS, NÓS NÃO ESTAMOS LIVRES DA REBELDIA, DA ARROGÂNCIA E DA MALDADE NATURAL DOS HOMENS. 

 

DEUS QUANDO NOS CHAMOU, NOS CHAMOU COMO ESTÁVAMOS, PORÉM, SEU DESEJO É GERAR EM NÓS O CARÁTER QUE HAVIA EM CRISTO. 

O SOFRIMENTO QUE PASSAMOS TRARÁ A NÓS UMA MAIOR SENSIBILIDADE À GRAÇA DE DEUS. 

 

NESTES MOMENTOS DE DOR, VEREMOS DIMENSÕES NUNCA ANTES VISTA DO AMOR DE DEUS.

 

ESTAREMOS MAIS ABERTOS PARA A CORREÇÃO DO PAI EM AMOR, POIS O PAI CORRIGE ÀQUELES A QUEM ELE AMA, COMO TAMBÉM EXPERIMENTAREMOS O SEU CONSOLO E CONFORTO.

 

ENTENDEREMOS QUE O NOSSO SOFRIMENTO TEM UM TEMPO DETERMINADO, ENQUANTO O SEU AMOR DURARÁ PARA SEMPRE.

O SALMOS 118.1-4 DIZ:

“DÊEM GRAÇAS AO SENHOR PORQUE ELE É BOM; O SEU AMOR DURA PARA SEMPRE. QUE ISRAEL DIGA: O SEU AMOR DURA PARA SEMPRE! OS SACERDOTES DIGAM: O SEU AMOR DURA PARA SEMPRE! OS QUE TEMEM O SENHOR DIGAM: O SEU AMOR DURA PARA SEMPRE!”

 

LAMENTAÇÕES DE JEREMIAS FALANDO ACERCA DA DESOLAÇÃO DE ISRAEL POR OCASIÃO DO CATIVEIRO DIZ:

“PORQUE O SENHOR NÃO O DESPREZARÁ PARA SEMPRE. EMBORA ELE TRAGA TRISTEZA, MOSTRARÁ COMPAIXÃO, TÃO GRANDE É O SEU AMOR INFALÍVEL. PORQUE NÃO É DO SEU AGRADO TRAZER AFLIÇÃO E TRISTEZA AOS FILHOS DOS HOMENS.”

 

SABEMOS QUE O CHORO PODE DURAR UMA NOITE INTEIRA, MAS QUE A ALEGRIA VIRÁ AO AMANHECER. 

 

PORTANTO, O PROPÓSITO DE DEUS EM NOSSO SOFRIMENTO, NÃO É DE NOS LEVAR À MORTE, MAS SIM À VIDA.  PORÉM A VIDA DE DEUS NOS É DADA QUANDO MORREMOS.

AQUELE QUE NÃO MORRER FICARÁ SÓ, MAS SE MORRER PRODUZIRÁ MUITOS FRUTOS.  ESTE É O GRANDE PARADOXO DA NOSSA FÉ, MORRER PARA VIVER.

 

O TEMPO DA DOR E DO SOFRIMENTO NOS FARÁ OLHAR PARA OS MONTES, E PERGUNTAR, DE ONDE ME VIRÁ O SOCORRO? O MEU SOCORRO VEM DO SENHOR, CRIADOR DOS CÉUS E DA TERRA.

O SALMISTA DISSE:

DEUS é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia.

 

É INTERESSANTE NOTAR QUE:

JESUS APÓS TER SIDO TENTADO, ELE VOLTA PARA A GALILÉIA PARA COMEÇAR A SUA MISSÃO.  ELE PASSA ENTÃO A PREGAR NAS SINAGOGAS DE TODA A REGIÃO. 

EM NAZARÉ, JESUS FOI À SINAGOGA E LÁ LHE DERAM O LIVRO DO PROFETA ISAÍAS PARA LER.  ELE ENTÃO ABRE O LIVRO ONDE PARA NÓS HOJE É O CAPITULO 61 E LÊ ESTA PASSAGEM DA SEGUINTE FORMA:

“ O Espírito do Senhor é sobre mim, pois que me ungiu para evangelizar os pobres, enviou-me a curar os quebrantados do coração,

A apregoar liberdade aos cativos, e dar vista aos cegos; a pôr em liberdade os oprimidos; a anunciar o ano aceitável do Senhor.” (LUCAS 4.18)

 

CONTUDO, JESUS DEIXA DE FORA O FINAL DA PASSAGEM QUE DIZ:

...  e o dia da vingança do nosso Deus” (ISAÍAS 61.2)

 

VEMOS ENTÃO QUE JESUS ESTAVA ENFATIZANDO SUA MISSÃO DE RESTAURAÇÃO E DE CONSOLO PARA O MUNDO PERDIDO, RETIRANDO A VINGANÇA DE DEUS DA SUA LEITURA NA SINAGOGA.

 

EM MATEUS 11 DO VS 28 EM DIANTE JESUS DIZ:

Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei.

Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas. Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve.

 

ESTE É O CARÁTER DO NOSSO DEUS CONSOLADOR.  UM DEUS QUE QUER RESTAURAR, CUIDAR, SARAR, CONFORTAR.

 

QUANDO PAULO FALOU SOBRE O DEUS DE TODA A CONSOLAÇÃO E QUE NOS CONSOLA EM TODA A TRIBULAÇÃO, ELE SABIA EXATAMENTE DO QUE FALAVA.

 

DENTRE TODOS OS GRANDES PERSONAGENS BÍBLICOS, PAULO É UM DOS QUE MAIS SOFREU, PERDENDO TALVEZ APENAS PARA JESUS E JÓ. 

 

A  ÊNFASE DE PAULO NESTES VERSÍCULOS, PORÉM, NÃO ESTÁ NO SOFRIMENTO EM SI, MAS SIM, NOS RESULTADOS QUE O SOFRIMENTO GERA NAQUELES QUE SOFREM, QUE NESTE CASO É O CONFORTO DE DEUS PARA QUE ESTES POSSAM CONFORTAR OUTROS.

 

POR ISSO, DEVEMOS SABER QUE:

 

 

3) SOFREMOS PARA CONSOLAR A OUTROS. (V.4B)

4.      para que também possamos consolar os que estiverem em alguma tribulação, com a consolação com que nós mesmos somos consolados de Deus.

 

ONTEM, ASSISTINDO À FINAL DO BRASILEIRO DE VOLEI MASCULINO, SOUBE QUE UM DOS JOGADORES QUE ESTAVA EM QUADRA HAVIA PERDIDO UM IRMÃO VÍTIMA DE UM ACIDENTE.  APÓS O JOGO, NO MOMENTO DA ENTREVISTA, OUTRO JOGADOR DISSE QUE AQUELE JOGADOR QUE HAVIA PERDIDO O IRMÃO, FOI UMA INSPIRAÇÃO PARA ELE DURANTE O JOGO, NÃO APENAS PARA JOGAR, MAS TAMBÉM PARA SUPORTAR OS SEUS PRÓPRIOS PROBLEMAS. 

 

ASSIM TAMBÉM É CONOSCO. A NOSSA DOR E SOFRIMENTO NÃO DEVE NOS FAZER PARAR, MAS DEVE SERVIR DE EXEMPLO E INSPIRAÇÃO PARA OUTROS. 

 

ASSIM FOI COM PAULO.

 

PAULO SABIA QUE OS SEUS SOFRIMENTOS ERAM PELA CAUSA DO EVANGELHO DE CRISTO. E PORTANTO ELE SOFRIA, PARA QUE OUTROS FOSSEM CONSOLADOS.

 

O APÓSTOLO PAULO FAZ UMA LISTA COM TODAS AS SITUAÇÕES DE DOR E SOFRIMENTO QUE ELE PASSOU PARA LEVAR A SALVAÇÃO DO EVANGELHO E CONSEQUENTEMENTE O CONSOLO DE DEUS PARA AS DIVERSAS IGREJAS QUE ELE FUNDOU.

NOS VERSÍCULOS DE 23-30 DO CAPÍTULO 11 DESTE LIVRO DIZ:

São ministros de Cristo? (falo como fora de mim) eu ainda mais: em trabalhos, muito mais; em açoites, mais do que eles; em prisões, muito mais; em perigo de morte, muitas vezes.

Cinco vezes recebi dos judeus uma quarentena de açoites, menos um.

Três vezes fui açoitado com varas, uma vez fui apedrejado, três vezes sofri naufrágio, uma noite e um dia passei no abismo;

Em viagens, muitas vezes, em perigos de rios, em perigos de salteadores, em perigos dos da minha nação, em perigos dos gentios, em perigos na cidade, em perigos no deserto, em perigos no mar, em perigos entre falsos irmãos;

Em trabalhos e fadiga, em vigílias, muitas vezes, em fome e sede, em jejum, muitas vezes, em frio e nudez.

Além das coisas exteriores, me oprime, cada dia, o cuidado de todas as igrejas.

Quem enfraquece, que eu, também, não enfraqueça? Quem se escandaliza, que eu me não abrase?

Se convém gloriar-me, gloriar-me-ei no que diz respeito à minha fraqueza.

 

 

ASSIM TAMBÉM DEVE SER CONOSCO.  TODOS NÓS TEMOS UMA RESPONSABILIDADE NO CUIDADO UM DOS OUTROS.

 

EM GÁLATAS 6.2 DIZ:

Levai as cargas uns dos outros, e assim cumprireis a lei de Cristo.

 

DEVEMOS NOS ALEGRAR COM OS QUE ESTÃO ALEGRES E CHORAR COM OS QUE CHORAM.

 

PORTANTO QUERIDOS IRMÃOS, ENTENDAM QUE TEMOS UMA GRANDE RESPONSABILIDADE DIANTE DE DEUS E DOS HOMENS.  E ESSA RESPONSABILIDADE É CONSOLAR OS QUE SOFREM.

 

PREGADOR LUO, CANTOR DA BANDA APOCALIPSE 16 DIZ EM UMA DE SUAS MÚSICAS:

“SOMENTE UM SOFREDOR PARA ENTENDER UM OUTRO SOFREDOR”

 

PRECISAMOS NOS DISPÔR PARA CONSOLAR O PRÓXIMO.  AS VEZES PENSAMOS QUE ESTAMOS SOFRENDO, MAS QUANDO OUVIMOS A HISTÓRIA DE ALGUÉM QUE NECESSITA DE AJUDA, VERIFICAMOS COMO NOSSO PROBLEMA É PEQUENO EM RELAÇÃO AO DO IRMÃO.

 

TENHO IDO AO HOSPITAL EVANGÉLICO UMA VEZ POR SEMANA PARA CONFORTAR OS ENFERMOS.  VOU LÁ APENAS PARA CONVERSAR UM POUCO COM ELES, LER A BÍBLIA E ORAR. 

 

JÁ POSSO OLHAR PARA MEUS PROBLEMAS DE OUTRA FORMA.  CONSIGO SER CONSOLADO POR DEUS, ATRAVÉS DO CONSOLO QUE DOU ÀQUELES DOENTES. 

 

DEVEMOS SER COMO UM RIO E NÃO COMO UM LAGO, OU SEJA, TUDO QUE RECEBERMOS DE DEUS, DEVEMOS PASSAR ADIANTE E NÃO RETER APENAS PARA NÓS MESMOS.  ASSIM É TAMBÉM EM RELAÇÃO AO CONSOLO QUE RECEBEMOS DE DEUS. DEVEMOS TAMBÉM CONSOLAR O PRÓXIMO.

 

APENAS DEVEMOS TER CUIDADO PARA NÃO CAIRMOS NA SÍNDROME DOS AMIGOS DE JÓ, QUE AO QUERER CONSOLÁ-LO, TROUXE APENAS JULGAMENTO À SUA VIDA, DESCONHECENDO POR COMPLETO O PLANO DE DEUS NAQUELA SITUAÇÃO.

 

OS AMIGOS DE JÓ TINHAM UMA BOA INTENÇÃO, PORÉM, NÃO DEVEMOS CONSOLAR O PRÓXIMO MOTIVADO DE BOA INTENÇÃO, MAS SIM DE AMOR.

 

FOI ASSIM QUE JESUS CONSOLOU A PEDRO.  ELE NÃO O JULGOU, MAS APENAS O RESTAROU EM AMOR.

 

 

GOSTARIA DE CONCLUIR CITANDO OS PONTOS CONCLUSIVOS DE C.S. LEWIS ACERCA DA DOR E DO SOFRIMENTO DO CRISTÃO.

 

 

CONCLUSÃO

 

C.S. LEWIS EM SEU LIVRO “O PROBLEMA DO SOFRIMENTO,” NOS OFERECE ALGUNS PONTOS ACERCA DO SOFRIMENTO CRISTÃO E QUE EU QUERO COMPARTILHAR COM OS IRMÃOS.

 

  1. EXISTE NO CRISTIANISMO UM PARADOXO NO QUE SE REFERE À TRIBULAÇÃO:

PARA ELE O SOFRIMENTO É ALGO RUIM EM SI MESMO, PORÉM POSITIVO PARA O SOFREDOR, POIS ESTE, IRÁ SE SUBMITER MAIS À VONTADE DE DEUS. EH POSITIVO TAMBÉM PARA OS ESPECTADORES DA DOR DESTE HOMEM, POIS DESPERTARÁ COMPAIXÃO E ATOS DE BONDADE PARA COM O SOFREDOR.

 

  1. SE A TRIBULAÇÃO É UM ELEMENTO NECESSÁRIO NA REDENÇÃO, ENTÃO DEUS JAMAIS O REMOVERÁ DO MUNDO ATÉ QUE ELE CONSIDERE O MUNDO COMO SENDO PASSÍVEL OU NÃO DE REMISSÃO.

COM ISSO, NÃO EXISTE REFORMA HUMANA QUER SEJA NA POLÍTICA, NA ECONOMIA OU NA SAÚDE, QUE RETIRE O SOFRIMENTO DA VIDA DOS HOMENS.

 

  1. O MUNDO NUNCA NOS OFERECERÁ COMPLETA SEGURANÇA, MESMO QUE NOS DÊ MOMENTOS DE ALEGRIA, PRAZER E DIVERSÃO.

A RAZÃO PARA TAL COISA É QUE DEUS NÃO DESEJA QUE SEUS FILHOS DESCANSEM SEUS CORAÇÕES NESTE MUNDO, POIS AQUI NÃO É O NOSSO LAR DEFINITIVO.

 

  1. NÃO DEVEMOS FAZER DO SOFRIMENTO ALGO MAIOR DO QUE ELE DE FATO É. 

POR MAIS QUE A DOR DO MUNDO INTEIRO SEJA ALGO ENORME, CADA SER HUMANO COMPARTILHA APENAS DE UMA PORÇÃO DELA.  O ACRÉSCIMO DE UM MILHÃO DE ÍNDIVIDUOS IGUALMENTE SOFREDORES NÃO IRÁ ACRESCENTAR MAIS NADA A ESSA DOR.

 

 

OREMOS...

RELATED MEDIA
See the rest →
Get this media plus thousands more when you start a free trial.
Get started for FREE
RELATED SERMONS
See the rest →