Drop files to upload.
Faithlife Corporation

Mantendo o primeiro amor

Notes & Transcripts

Sermão Bíblico

Pregador: Rodrigo Serrão

Apocalipse 2:1-7

Brazilian/Latin Ministry Great Hills Baptist Church

19/abril/2009

Introducão:

Como você se sentiria se a pessoa ao qual você casou um dia chegasse para você e dissesse:  “Querida/querido eu vou estar com você até o fim da minha vida.  Eu fiz um voto diante de Deus de te ficar com você até que a morte nos separasse, e eu vou cumprir este voto.  Mas saiba que eu não te amo mais.  O meu amor se esfriou e eu não sinto nada por você, mas não se preocupe, estaremos juntos até que a morte nos separe.”

Ou se seu pai ou mãe para aqueles que ainda não são casados dissessem:

“Meu filho/filha, eu vou te dar educação, te vestir, te alimentar, só não me peça amor.  Você terá tudo, menos o meu amor.” 

Será que aceitaríamos viver por menos do que o amor sincero de nossos cônjuges ou de nossos pais?

Será que eu e você gostaria de viver um relacionamento baseado apenas em aparências, mas que não tivesse amor?

Se você acha essa idéia um absurdo, saiba que Deus também acha.  E como eu sei? Abra suas Bíblias no livro de apocalypse 2:1-7.

Elucidação Bíblica:

Este texto abre uma série de cartas enviadas por Jesus a 7 diferente igrejas. 

1.      Éfeso (2:1-7)

2.      Esmirna (2:8-11)

3.      Pérgamo (2:12-17)

4.      Tiatira (2:18-29)

5.      Sardes (3:1-6)

6.      Filadélfia (3:7-13)

7.      Laodicéia (3:14-22)

Cada carta ainda que tenham conteúdos diferentes, seguem o mesmo padrão:

1.     DESCRIÇÃO DE JESUS

Todas as igrejas descrevem Jesus de alguma forma:

Por exemplo:

Em Éfeso, Jesus é aquele que aquele que tem na sua destra as sete estrelas, que anda no meio dos sete candeeiros de ouro.

Em Esmirna, Jesus é o primeiro e o último, que foi morto e reviveu.

Em Pérgamos, Jesus é aquele que tem a espada aguda de dois gumes.

2. ELOGIO

Outra caractéristica destas cartas é Jesus elogia as igrejas por suas obras.  Algo que eles estavão fazendo certo.  Apenas duas igrejas não recebem elogios (Sardis e Laodicéia)

3. REPREENSÃO

Uma Terceira característica destas cartas é que Jesus depois de elogiar  as igrejas, ele REPREENDE as igrejas que não estavam andando de acordo com a vontade dele.  Ou seja, Jesus conhecia os pontos fortes e fracos de cada igreja. 

Duas igrejas porém não recebem repreensão alguma, Esmirna e Filadélfia. 

4. SOLUÇÃO

Uma quarta característica encontrada nas cartas é a SOLUÇÃO para os problemas que elas estavam passando.   

5. CONSEQUÊNCIA DA DESOBEDIÊNCIA

Em quase todas as cartas encontramos CONSEQUÊNCIAS para aqueles que não mudarem de comportamento.  Apenas as igrejas de Esmirna e Filadélfia não recebem consequencias, pois, não havia do que repreendê-las. 

6.  PROMESSA AOS QUE VENCEREM

Todos as igrejas recebem de Jesus uma promessa.  Promessa dada apenas àqueles que vencerem.

Estas características dá uma série de sermões, contudo, vamos apenas focar na igreja de Éfeso.

Este texto de Apocalipse é riquíssimo em conteúdo, mas por questões de tempo, irei apenas me focar em dois pontos da carta de Jesus à igreja em Éfeso, o elogio e a repreensão.

1.     ELOGIO

Encontramos nos versículos 2,3 e 6 o elogio de Jesus à igreja. 

A igreja de Éfeso era uma igreja doutrinariamente vigilante.  Eles tinham zelo pela doutrina, zelo pela preservação da verdade Bíblica.   Eles colocavam a teste todos os falsos profetas, todos os falso mestres e não permitiam que a pureza da palavra de Deus fosse contaminada.

Eles eram uma igreja perseverante e uma igreja que sofreu pela causa do Evangelho e não desfaleceu.

Jesus elogia o esforço da igreja de Éfeso em permanecer fiel e zelosa nas coisas de Deus. 

Contudo para Jesus, existe algo mais importante do que doutrina, dons, perseverança, etc.  AMOR.

Em 1 Cor 13 Jesus disse:

“Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o címbalo que retine. E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda fé, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse amor, nada seria. E ainda que distribuísse todos os meus bens para sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, e não tivesse amor, nada disso me aproveitaria.”

 A igreja de Éfeso estava trabalhando para os Senhor diligentemente, mas o trabalho ofuscou a devoção da igreja. 

Você pode até pensar que eles estavam indo bem, pois, ainda que não tivesse amor, estavam firmes na doutrina.

Não é isso o que Jesus acha.  Para Jesus amor é a base de tudo na vida cristã.  Sem essa base nada se sustenta.

HOSPITAL

A questão do amor como base da vida cristã é pode ser comparada com o Hospital. 

Todos que eu conheço vão para o hospital para ser curados de alguma doença.  Ninguem procura um hospital por sua arquitetura ou para se hospedar nos apartamentos.  Todos que necessitam de um hospital vão para serem curados.  Um hospital que não proporcione cura aos seus pacientes, mas que possui apenas uma grande arquitetura ou grandes equipamentos hospitalares, está falhando com sua missão principal.  Da mesma forma, a igreja (que também é um hospital) deve manter suas portas aberta em amor para receber os doentes, os pecadores, os excluídos, os injustiçados e mostrar a cura através do amor de Deus. 

Só assim seremos conhecidos como díscipulos de Deus, SE AMARMOS UNS AOS OUTROS.

E o que Jesus faz?

2.     REPREENSÃO

Jesus repreende a igreja de Éfeso pela falta de amor. 

Que tipo de amor Jesus está falando aqui? Amor a Deus ou amor ao próximo?

Na verdade um está conectado ao outro.

1 João 4:20 diz:

“Se alguém diz: Eu amo a Deus, e odeia a seu irmão, é mentiroso. Pois quem não ama a seu irmão, ao qual viu, não pode amar a Deus, a quem não viu.”

E João insiste no verso seguinte:

“E dele temos este mandamento, que quem ama a Deus ame também a seu irmão.”

Em Marcos 12:29-31:

“Amarás, pois, ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma, de todo o teu entendimento e de todas as tuas forças.  E o segundo é este: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo. Não há outro mandamento maior do que esses.”

Jesus diz aos Efésios:

Tenho porém contra ti, que deixastes o primeiro amor.

A repreensão de Jesus tem o propósito de trazer os Efésios ao que é realmente importante.  Amar exige dedicação,

Amar exige cuidado,

Amar exige esforço,

Amar exige intenção

Tudo isto faz com que muitos de nós com o passar do tempo busquemos outras coisas menos importantes para priorizar e não damos prioridade ao que é o mais importante.

O diagnóstico de Deus é: Se você não voltar a amar de verdade, vc vai deixar de ser igreja. 

A igreja de éfeso não existe mais. 

E nós, o que devemos fazer para obedecer o mandamento de Deus de amar. 

Primeiro, analise sua vida e seu relacionamento com Deus e com o próximo.

Talvez o seu relacionamento com Jesus tenha estagnado e você não esteja mais experimentando uma intimidade e amor por ele.  Isso pode ter afetado o seu relacionamento com o próximo.  Se isso for verdade na sua vida, saiba que Jesus quer mudar esta situação.

Versículo 5 nos dá o remédio. 

1.     Lembre-se de onde voce caiu.

·        Lembre-se dos momentos em que voce foi rejeitando a Cristo e dando lugar ao pecado. 

·        É o acúmulo de pecado que esfria nosso amor para com Deus e o próximo. 

·        verbo nesta passagem está no tempo presente do imperativo e dá a idéia de continuidade, ou seja, devemos lembrar disto não apenas hoje, mas constantemente.

·        No processo de lembrar procure sempre fazer o contraste da glória do primeiro amor do passado e da atual condição de estagnação.

2.     Arrepende-te

·        Segundo passo do remédio para curar a falta de amor é arrepender-se. 

·        Arrependimento no grego significa metanóia. 

·        Aqui o verbo também está no imperativo, indicando uma ordem. 

·        Não haverá mudança sem arrependimento. 

·        Devemos nos arrepender de várias coisas inclusive da nossa idolatria. 

·        Quantos de nós colocamos coisas entre nós e Deus. 

·        que tem tomado conta de seus pensamentos, o que tem consumido as suas energias? Será o trabalho? Será o dinheiro? Será os prazeres? Será a família? 

·        Arrependimento nos levará ao terceiro passo para a nossa cura.

3.     Pratique as primeiras obras

·        Este passo está no mesmo tempo imperativo indicando uma ordem de Jesus. 

·        que practicar as primeiras obras significa?

·        Você terá que praticar o amor.  Comece a fazer isto buscando submeter toda a sua vontade ao senhorio de Cristo. 

·        Sem a mente de Cristo, não iremos praticar obras de amor. 

·        Devemos entender que o Reino de Deus é amor e justiça.

·        Devemos buscar meditar nas verdade de Deus e mergulhar nosso ser no amor de Deus.

·        Devemos entender que a nossa prioridade é o Reino de Deus. 

·        Devemos amar a igreja cada vez mais e nos doar verdadeiramente à sua causa.  Devemos cuidar dos que estão feridos, machucados.  Mateus 25 deve ser uma prioridade e uma verdade para nós.

Se quisermos continuar sendo igreja como grupo e como indivíduos, devemos dar ouvidos ao que Jesus fala à igreja de Éfeso. 

Áqueles que vencerem Deus dará o privilégio de estar com Ele no paraíso.  E quem são os vencedores? 

São todos aqueles que foram fiéis e zelosos à Deus no trabalho cristão, mas que não permitiram que os dissabores da vida, que o pecado que tão perto nos rodeia, que as decepções com outros irmãos apagasse o amor que temos por Deus e pelo próximo. 

É tão fácil tornarmos religiosos frios e mortos por dentro.  Podemos estar aqui domingo após domingo, levantarmos as mãos e fingirmos que somos de Deus por nosso linguajar “evangeliques” e nosso moralismo cristão.  Contudo, sem amor, estaremos apenas com uma casca oca que tem muita aparência, mas que dentro é vazio.  A estes, Jesus diz que removerá o candeeiro (Espírito Santo) se não houver arrependimento. 

Vamos orar!

RELATED MEDIA
See the rest →
Get this media plus thousands more when you start a free trial.
Get started for FREE
RELATED SERMONS
See the rest →